Espólios
GOMES, Manuel Teixeira, 1860-1941
BNP Esp. E46
Maria Adelaide M.Teixeira-Gomes 1937 Maio-Jun.
Maria Adelaide
M.Teixeira-Gomes
1937 Maio-Jun.

Algarvio de nascimento, Teixeira Gomes morreu em Bougie, na Argélia. Desde cedo vocacionado para as letras, privou com João de Deus, Fialho de Almeida, Sampaio Bruno, Basílio Teles e Soares dos Reis. A partir de 1885 restabelece os seus contactos literários lisboetas, designadamente com Gomes Leal e António Nobre. Embaixador em Londres após a implantação da República, foi eleito presidente da República após um acto eleitoral muito disputado (1923). Não conseguindo controlar a instabilidade política republicana, resignou a 11 de Dezembro de 1925. Em 1931 instalou-se na Argélia, ali vivendo a derradeira década, colaborando com o Diabo e a Seara Nova, e publicando Cartas a Columbano (1932), Novelas Eróticas e Regressos (1935), Maria Adelaide e Carnaval Literário, (1938). Em 1950 o seu corpo regressou à sua cidade natal – Portimão.

O espólio (30 cx.) inclui manuscritos do autor, correspondência, documentação relativa à actividade política e fotografias.

Esteve à guarda de Castelo Branco Chaves e foi doado por seu filho, Fernando Castelo Branco, em Abril de 2005.

Instrumento de pesquisa:
Guia preliminar em preparação
© 2004 Biblioteca Nacional de Portugal. Actualizado a 2007-05-29