Espólios
BELCHIOR, Maria de Lurdes, 1923-1988
BNP Esp. E42

Professora da Faculdade de Letras de Lisboa, Maria de Lourdes Belchior Pontes, ali licenciada em 1946, desempenhou vários cargos, entre os de conselheira cultural na Embaixada de Portugal no Brasil (1963-1966), vice-presidente (1970-1971) e presidente do Instituto de Alta Cultura (1972-1974), secretária de Estado da Cultura e Investigação Científica (1974) e directora do Centro Cultural Português da Fundação Calouste Gulbenkian, em Paris (1989-1998). Em 1985 revelar-se-ia como poeta com Gramática do Mundo a que se seguiu Cancioneiro para Nossa Senhora: Poemas para uma Via-Sacra (1988). Foi galardoada com várias condecorações de Ordens de vários países, obteve o prémio Europa da Académie de Marches de l’Est (1996) e em 1998 foi-lhe concedida a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.

O espólio (87 cx.) é constituído por manuscritos da autora, alguma correspondência, documentos biográficos e vasta documentação relativa à actividade docente e de conselheira cultural.

Foi doado pela irmã da escritora, Maria Helena Pontes Belchior, em Setembro de 2004.

Instrumento de pesquisa:
Guia preliminar em preparação
© 2004 Biblioteca Nacional de Portugal. Actualizado a 2007-05-16